13 de janeiro de 2011

Esperança em Deus


Existem certos momentos na vida em que os nossos problemas parecem ultrapassar os limites da fé. Nada parece ter solução. Nada ameniza o sofrimento, a dor, e quanto mais rezamos à Deus, parece que a rota de fuga foi momentaneamente interrompida: chega a depressão - o pior dos sentimentos - e tudo que culminaria em felicidade termina com decepção e falta de esperança.

A figura ao lado mosta as palavras escritas numa parede encontrada no porão de uma casa na cidade alemã de Colônia depois da segunda Guerra Mundial. A frase pixada - traduzida para o bom português - dizia: "Acredito no sol mesmo quando ele não está brilhando; Acredito no amor mesmo quando não o sinto; Acredito em Deus mesmo quando Ele está calado".

Segundo a escritora americana Liane Cordes, a pessoa que escreveu estas afirmações possuía o tipo de paciência que nasce da fé e da coragem. Apesar da destruição, da injustiça e do medo que permearam aqueles anos de guerra, ela não deixou de acreditar que a vida, com todas as suas tristezas irracionais, ainda era digna de ser vivida.


Nós podemos, diante do desespero, amargura ou dor, reunir a mesma fé e coragem? Podemos ainda afirmar, mesmo quando não compreendemos ou vemos os motivos de nossa tristeza e sofrimento, que existe um Propósito Maior neles, e que acabaremos recebendo a orientação e inspiração que nos ajudarão a superá-los?

Não importa o que aconteça hoje. Afirmarei minha fé em que tudo está bem. Terei a coragem para acreditar que Deus está me guiando, me amando e me ensinando, mesmo que eu não sinta ou veja Sua presença. 

Portanto, não desista. Tenha Fé no seu Deus.


SAIBA MAIS SOBRE O AUTOR
Pryom PRYOM é Numerólogo e Médium Espiritualista. Formado em Publicidade, desde jovem é empenhado em compreender a alma humana. Ministra palestras sobre Numerologia e encontros sobre o autoconhecimento. Se quiser saber mais, clique aqui. Se gostou do blog assine para receber os próximos artigos.

0 comentários :

Postar um comentário