3 de agosto de 2013

A Numerologia e as Motivações da Infância

Mariela Elena Bergoglio, irmã do Papa Francisco, assegurou numa entrevista, que “na infância o irmão era muito inquieto e difícil de custodiar”. Por isso, não se espantou no trabalho que ele deu ao esquema de segurança em sua chegada ao Rio de Janeiro para Jornada Mundial da Juventude. Como todos assistiram, o carro que transportava Sua Santidade ficou preso no trânsito caótico da cidade em plena hora do rush! Ninguém poderia imaginar que o menino argentino chamado Jorge seria mais tarde o líder carismático da Igreja Católica.

Nesse novo artigo sobre Numerologia ensinarei sobre as Motivações de Infância. Muitos não sabem, mas quando pretendemos dar nome a uma criança estamos praticamente ajudando a construir o seu caráter. Não é à toa que os pais pensam muito no primeiro nome que darão ao filho, pois ele acompanhará a criança por toda a vida.

Muito antes de Cristo, a mitologia grega já apresentava seus deuses com diversos nomes e significados. Muitas tribos indígenas deixavam que os nomes sobressaíssem naturalmente de acordo com as aptidões, aquilo que cada um fosse desenvolvendo; assim surgiram expressões como "Touro Sentado", "Guerreiro Bravio", etc. Nesse estudo a Numerologia busca um novo enfoque. Podemos descobrir as motivações de uma criança através do sistema místico chamado ABRACADABRA – também conhecido como Pirâmide Invertida.

O QUE É O ABRACADABRA?

Dizem, os ocultistas, que o sistema do ABRACADABRA teve origem na grande pirâmide Gizé, em Quéops, Egito. Essa palavra, que se escrevia em onze linhas com uma letra a menos em cada uma delas, formava a figura de um triângulo de cabeça para baixo - daí a crença supersticiosa. A sua força cabalística evocava o conhecimento oculto das palavras e da origem dos seres como uma fórmula mágica. Por isso o ABRACADABRA era usado em magia ou amuletos. A tradução dessa palavra mágica seria algo como “desmontando o que foi construído”.

Além da Numerologia, outras duas ciências ocultas adotaram o sistema da Pirâmide Invertida: a Astrologia e o Tarô. Em ambas não entrarei em discussões, mas o método utilizado na Numerologia, não é complicado. O único trabalho do Buscador  é manter a atenção redobrada quanto à soma dos valores atribuídos às letras, segundo a Tabela Pitagórica.

-->


Assim como o tempo, o nosso caráter se modifica à medida que amadurecemos, principalmente quando enfrentamos as dificuldades e tomamos decisões durante a vida.



As Motivações de Infância corresponderiam, nesse caso, a voz adormecida no nosso inconsciente. Esse período situado numerologicamente entre o nascimento e 9 anos de idade remontaria o ambiente familiar, a educação escolar, a educação religiosa e os primeiros contatos da vida em sociedade. Essa fase tão importante para o homem encarnado, formaria a base da sua personalidade, os traços particulares e o seu caráter. Um pensamento de Sua Santidade, o Dalai Lama, confirmava essa tese. Para ele, os nossos temperamentos são frutos de uma educação imposta durante a infância; que levamos muito tempo para ficarmos do jeito que somos e não conseguimos mudar os hábitos do dia para noite. Reconhecê-los é um bom exercício: devemos, portanto, olhar para cima à medida que crescemos, mas é um engano julgar os nossos comportamentos arraigados utilizando o ideal como padrão. Neste artigo eu vou ensinar o Buscador do Mestre Interior a se “desconstruir” através do ABRACADABRA utilizando apenas o seu primeiro nome de batismo.

COMO DESCOBRIR AS MOTIVAÇÕES DE INFÂNCIA

A primeira coisa que você deverá fazer é consulta a Tabela Pitagórica (ao lado). Escreva numa folha de papel o seu primeiro nome como aparece na Certidão de Nascimento. Escreva as letras separadamente e coloque o número equivalente a cada uma delas diretamente abaixo (como mostra a figura à direita). Some os números de dois a dois e coloque os totais na linha seguinte.


Quando aparecer um número composto (maior que 10), reduza-o à unidade somando seus algarismos. Cada linha deverá mostrar um número a menos que a linha anterior. Por exemplo: 12 → 1 + 2 = 3; 65 → 6 + 5 = 1 + 1 = 2. Veja, o exemplo ao lado. O nosso amigo chamado LAERCIO, por exemplo, descobriu que na base da pirâmide o seu número é 9. Ele deverá, portanto, consultar o resultado clicando na tabela abaixo. 



Anote o número simples que aparecerá na base da sua Pirâmide Invertida e consulte as suas Motivações da Infância.

silver1 silver2 silver3
silver4 silver5 silver6
silver7 silver8 silver9

Reações:

0 comentários :

Postar um comentário